Diga sim as cuticulas

Se existe uma coisa que a maioria das mulheres detestam ver são as cutículas, assim que elas nascem a são “cutucadas”, empurradas, arrancadas.

Muitas fazem o mesmo ritual uma vez por semana, seja em casa ou com uma profissional, “fazer as unhas” é uma mania nacional, mas será que o hábito de tirar as unhas é correto? unhasecuticulas

Parece bobagem, mas as cutículas possuem importância para nossa saúde, sua função é impedir a entrada de bactérias através dos dedos, uma vez que entram elas caem na corrente sanguínea, causando infecções.

 

Problemas com micoses na unha e pouco crescimento pode ser conseqüência da retirada da cutícula.

A infecção mais comum que pode ocorrer devido à retirada da cutícula é a paroníquia, que nada mais é que a infecção dos tecidos ao redor das unhas.

O problema pode ser muito maior que uma infecção, pois com o uso do alicate não esterilizado,  o risco de contrair doença como a hepatite é muito grande.

O mais correto a se fazer é com a ajuda de uma espátula retirar o excesso e o que restar, apenas empurrar para dentro da unha com cautela para não causar lesões na pele.

Como tirar as cutículas é uma mania cultural das brasileiras e se você mesmo sabendo dos riscos ainda sim as deseja tirar, faça isso com auxilio de uma profissional, use sempre aparelhos esterilizados,  ou tenha seu próprio kit evitando assim doenças.